Leve 3 e pague 2 garrafas de Prosecco Dogarina na Cardápio Itália!

Dica imperdível para o Natal ou para as festas de Ano Novo! A importadora Cardápio Itália acaba de divulgar uma promoção com o ótimo Prosecco Millesimato Brut 2010 produzido pela vinícola Dogarina, em que o cliente leva três garrafas e paga somente duas! Sai por R$ 52 reais a garrafa, o que é muito bom para um millesimato dessa qualidade. E o frete ainda é grátis para a cidade de São Paulo!

De coloração amarelo palha, o prosecco da Dogarina traz aromas florais e cítricos muito agradáveis, complementados por um excelente frescor e acidez na boca, com um leve toque de amêndoas no final. Vai muito bem como aperitivo, com entradas ou frutos do mar. O telefone da Cardápio é (11) 3294-4001. Santé!

Dogarina

Anúncios

Dicas da semana (e de final de ano): Cavas Segura Viudas!

As dicas da semana são novamente espumantes, desta vez cavas produzidas pela Segura Viudas, marca premium do Grupo Freixenet. E são duas, ambas deliciosas e com preço excelente, para complementar as comemorações sem doer muito no bolso. A primeira é a Brut Reserva, que traz uma clássica coloração amarelo palha, com borbulhas elegantes e persistentes. Produzida pelo método champenoise com 50% de macabeo, 35% de parellada e 15% de xarello, tem aromas de boa intensidade e complexidade, que remetem a frutos brancos (maçã verde) e cítricos, com notas florais. Em boca traz frescor e equilíbrio, com boa acidez, final longo e frutado. Vai bem como entrada, com frutos do mar ou mesmo com um jamón espanhol. Esta cava ficou entre as 100 melhores compras de 2012 de acordo com a revista Wine Enthusiast. Já a brut rosé é produzida com 90% de trepat e 10% de garnacha e tem cor rosada viva, com aromas de morango e cereja. Muito equilibrada e com boa acidez, é perfeita como aperitivo, com saladas, salmão ou atum. Você encontra estes dois bons espumantes no site da Vinhocracia ao preço de R$ 46 por garrafa. Belo achado. Santé!

Segura Viudas

Guia Descorchados 2013: os melhores do Chile!

O Guia de Vinhos Descorchados acaba de divulgar os melhores tintos e brancos chilenos, que estarão presentes na sua edição 2013. O campeão deste ano na categoria de vinhos tintos foi o Domus Aurea 2008, produzido pela vinícola Clos Quebrada de Macul com uvas cabernet sauvignon, merlot e cabernet franc provenientes de Macul, área mais nobre do Vale do Maipo. Já o vencedor nos brancos foi o Casa Marín Cipreses Vineyard Sauvignon Blanc 2011, que aparece no guia praticamente todos os anos, e é produzido pela Casa Marín em Lo Abarca, Vale de San Antonio, onde proximidade ao oceano pacífico e as temperaturas frias permitem à uva expressar seu melhor caráter mineral, frescor e aromas. O Domus Aurea é importado no Brasil pela Zahil e custa R$ 230,00, enquanto o Cipreses chega aqui pelas mãos da importadora Vinea ao preço de R$ 133,00 por garrafa. Interessante que dos 37 vinhos listados abaixo, 7 ou quase 20%, são produzidos pela Concha y Toro, atestando contínua qualidade da vinícola. Enjoy!

Os melhores tintos do Chile:

  1. Clos Quebrada de Macul Domus Aurea 2008, Maipo – 96 pontos
  2. Concha y Toro Carmín Carmenère 2010, Peumo – 96 pontos
  3. Carmen Gold Reserve Cabernet Sauvignon 2010, Maipo – 95 pontos
  4. Concha y Toro Terrunyo Cabernet Sauvignon 2010, Pirque – 95 pontos
  5. Almaviva 2010, Maipo – 94 pontos
  6. Antiyal 2010, Maipo – 94 pontos
  7. Aquitania Lázuli 2004, Maipo – 94 pontos
  8. Bodegas RE RE Cabergnan 2009, Loncomilla – 94 pontos
  9. Calyptra Zahir Cabernet Sauvignon 2009, Cachapoal – 94 pontos
  10. Casa Marín Miramar Vineyard Syrah 2010, Lo Abarca – 94 pontos
  11. Concha y Toro Terrunyo Syrah 2010, Casablanca – 94 pontos
  12. Concha y Toro Terrunyo Carmenère 2010, Peumo – 94 pontos
  13. De Martino Single Vineyard Limávida 2010, Maule – 94 pontos
  14. Haras de Pirque Character Syrah 2010, Maipo – 94 pontos
  15. Intriga Cabernet Sauvignon 2010, Maipo – 94 pontos
  16. Montsecano Montsecano Pinot Noir 2011, Casablanca – 94 pontos
  17. Reserva de Caliboro Erasmo Selección de Barricas 2010, Maule – 94 pontos
  18. Santa Rita Casa Real Cabernet Sauvignon 2008, Maipo – 94 pontos
  19. Santa Rita Pehuén Carmenère 2008, Apalta – 94 pontos
  20. Santa Rita Triple C 2008, Maipo – 94 pontos
  21. Ventisquero 2010, Pirque – 94 pontos
  22. Viñedo Chadwick 2010, Maipo – 94 pontos

Os melhores brancos do Chile: 

  1. Casa Marín Cipreses Vineyard Sauvignon Blanc 2011, Lo Abarca – 95 pontos
  2. Concha y Toro Terrunyo Sauvignon Blanc 2011, Casablanca – 95 pontos
  3. Aquitania Sol de Sol Chardonnay 2009, Malleco – 94 pontos
  4. Bodegas RE Re Chardonnoir 2011, Casablanca – 94 pontos
  5. Calyptra Gran Reserva Chardonnay 2009, Cachapoal – 94 pontos
  6. Concha y Toro Terrunyo T. Bottles Sauvignon Blanc 2011, Casablanca – 94 pontos
  7. Concha y Toro Amelia Chardonnay 2011, Casablanca – 94 pontos
  8. De Martino Single Vineyard Quebrada Seca Chardonnay 2010, Limarí – 94 pontos
  9. Maycas del Limarí Quebrada Seca Chardonnay 2010, Limarí – 94 pontos
  10. Tabalí Talinay Chardonnay 2011, Limarí – 94 pontos
  11. Tabalí Talinay S. Blanc 2012, Limarí – 94 pontos
  12. Tamaya Winemaker’s Gran Reserva Sauvignon Blanc 2011, Limarí – 94 pontos
  13. Tara White Wine 1 Chardonnay 2011, Atacama – 94 pontos
  14. Viña Ventolera Ventolera Sauvignon Blanc 2011, Leyda – 94 pontos
  15. William Fèvre Chacai Chardonnay 2011, Maipo – 94 pontos

Descorchados

Robert Parker não é mais editor chefe da revista The Wine Advocate

O mais famoso editor e crítico de vinhos Robert Parker acaba de anunciar que a sua revista, The Wine Advocate, acaba de se associar a 3 novos investidores da Ásia e abrirá um novo escritório em Cingapura, de onde o conteúdo da revista será produzido. O escritório será dirigido por uma das mais experientes colaboradoras de Parker, Lisa Perrotti-Brown, que passa a ser editora chefe da publicação. Dentre outras mudanças importantes, está o aumento da cobertura de vinhos produzidos no continente asiático, e os rumores de que a Wine Advocate irá, pela primeira vez, passar a veicular anúncios.

Os planos de Robert Parker para a sua revista de 35 anos tem sido comentados extra oficialmente há alguns meses, portanto, o anúncio não foi surpresa para o mundo do vinho. A surpresa veio pelo fato da Wine Advocate, que frequentemente acusa outras publicações de comprometer a sua independência por veicular anúncios publicitários, também passará a veiculá-los, ainda que somente de empresas não relacionadas ao vinho.

Com relação ao perfil dos novos investidores, Parker simplesmente comentou que são “3 indivíduos altamente qualificados no mundo dos negócios e em tecnologia, além de amantes do vinho e assinantes da revista há bastante tempo”. De acordo com informações apuradas pela revista Decanter, Parker tem abordado investidores individuais de alta renda na Ásia desde o início do ano. Além dos novos investidores, as mudanças comentadas por Parker para 2013 incluem “a expansão da cobertura em diversas regiões produtoras; o lançamento de novos produtos, incluindo uma versão eletrônica em pdf da Wine Advocate para assinantes; e a realização de conferências educacionais sobre vinhos – uma inovação no mercado”.

Apesar de insistir que o escritório de Maryland, nos Estados Unidos, permanecerá como o principal, o fato de que todas as atividades de coordenação de conteúdo, edição e revisão estarão sob a responsabilidade de Perotti-Brown na Cingapura significa que a revista será efetivamente produzida naquele país. Robert Parker permanecerá como CEO e presidente do conselho da The Wine Advocate, e como proprietário da marca. Ele continuará a avaliar os vinhos de Bordeaux e do Rhône, seus favoritos, e a preparar análises retrospectivas sobre as safras da Califórnia vintages, além do guia dos melhores vinhos até $25 dólares.

Fonte: Decanter

The Wine Advocate

Wine Enthusiast divulga Top 100 de 2012!

Para fechar o ano em termos de ranking de vinhos, a revista americana Wine Enthusiast acaba de divulgar os 100 melhores vinhos de 2012, de um total de 15.500 vinhos avaliados segundo critérios como relação preço-qualidade, disponibilidade, singularidade e variedade em termos de regiões e estilos. A revista, cuja proposta é atender as necessidades de vinhos dos seus leitores, oferece 3 guias distintos com os melhores do ano: As 100 melhores compras (vinhos que custam $15 dólares ou menos, publicado em novembro), Os 100 melhores vinhos para guarda (publicado no começo deste mês) e agora os 100 melhores do ano. E o vencedor desse ano, com 96 pontos, foi o argentino Riglos Gran Corte Las Divas Vineyard 2009, um corte de Mal­bec (50%), Cabernet Sauvignon (40%) e Cabernet Franc (10%), produzido por Paul Hobbs em Gualtallary no Valle de Uco, com uvas provenientes de vinhedos situados a 1.250 de altitude. O vinho faz um estágio de 22 meses em barricas de carvalho francês novas e é importado no Brasil pela Decanter ao preço de R$ 155 por garrafa.

Clique na figura abaixo e acesse a lista completa. Santé!

Wine Enthusiast Top 100

Fonte: Wine Enthusiast

Grande feirão de vinhos em São Paulo

Acontece amanhã (08/12) a partir das 15 horas o grande feirão de vinhos organizado pela sommeliére Patricia Brentzel, onde os participantes poderão degustar mais de 50 rótulos antes de comprá-los a preços especiais. O encontro acontecerá no Ristorante Roma em Higienópolis e contará com a participação de diversas importadoras, dentre ela a MS Import, Cultvinho e Wine Lovers.

Ingressos somente antecipados através do telefone (11) 2579-6001 ou pelo email contato@patriciabrentzel.com.br

Santé!

Feirão de Vinhos

Descorchados elege melhores tintos da Argentina

O guia de vinhos Descorchados, uma das mais conceituadas publicações para avaliação de vinhos argentinos e chilenos, acaba de divulgar a lista dos Melhores Tintos Argentinos, que estará na sua edição Descorchados 2013. A avaliação e eleição final está sob a responsabilidade de Patricio Tápia, jornalista chileno formado em degustação e enologia pela Universidade de Bordeaux, e do sommelier Héctor Riquelme,eleito melhor sommelier do Chile em 2005. O campeão deste ano é bem conhecido dos brasileiros, ainda que a safra de 2010 não tenha chegado por aqui. Vamos aos vencedores!

  1. Catena D.V. Adrianna (Adrianna Vineyard) Malbec 2010, Mendoza – 96 pontos
  2. Achaval Ferrer Finca Altamira Malbec 2010, Mendoza – 95 pontos
  3. Achaval Ferrer Finca Bella Vista Malbec 2010, Mendoza – 94 pontos
  4. Bressia Profundo Malbec, Merlot, Cabernet Sauvignon e Syrah 2008 Agrelo – 94 pontos
  5. Carmelo Patti Gran Assemblage 2004, Perdriel  – 94 pontos
  6. Cheval des Andes Malbec, Cabernet Sauvignon, Petit Verdot e Merlot 2008, Mendoza – 94 pontos
  7. Dominio del Plata Susana Balbo Signature Cabernet Sauvignon 2010, Mendoza – 94 pontos
  8. Fabre Montmayou Grand Vin Malbec, Cabernet Sauvignon e Merlot 2009, Mendoza – 94 pontos
  9. Mendel Finca Remota Malbec 2010, Mendoza – 94 pontos
  10. Norton Gernot Langes 2006, Luján de Cuyo – 94 pontos
  11. Rutini Wines Antologia XXXI Malbec e Petit Verdot 2009, Valle de Uco – 94 pontos
  12. Terrazas Single Parcel Los Cerezos Malbec 2008, Mendoza – 94 pontos
  13. Weinert Estrella Cabernet Sauvignon 1994, Mendoza – 94 pontos
  14. Weinert Estrella Merlot 1999, Mendoza – 94 pontos

Descorchados 2013