Wine Spectator divulga os 10 melhores vinhos de 2012!

A revista de vinhos americana Wine Spectator divulgou hoje os 10 melhores vinhos de 2012, de acordo com a pontuação e opinião dos seus degustadores profissionais. Desde 1988, a revista compila e divulga uma lista dos 100 melhores vinhos degustados nos últimos 12 meses, os quais, de acordo com a publicação, refletem a tendência de mercado e reconhecem a excelência do trabalho realizado por diversos produtores em várias partes do mundo.

Em 2012, a lista dos melhores foi selecionada de um total de mais de 17.000 lançamentos degustados às cegas, dos quais mais de 5.500 vinhos foram classificados como “excelentes” ou “clássicos”, recebendo, no mínimo, 90 pontos na escala de 100 utilizada pela revista. A partir daí, a lista é avaliada e reduzida com base nos seguintes critérios: qualidade (representada pela pontuação); valor (refletido pelo preço de lançamento); disponibilidade (mensurada pelo número de caixas produzidas ou importadas); e o que a Wine Spectator chama de “Fator X”, representado pela empolgação gerada em torno de alguns produtores, referência gerada por um determinado vinho ou pela evolução significativa de uma determinada região produtora. De qualquer forma, apesar dos critérios descritos acima, a revista faz questão de ressaltar que um dos principais fatores continua sendo a avaliação dos seus editores e a sua paixão pelos vinhos degustados. Um total de 13 países representam a lista desse ano. Em comparação ao ano passado, a pontuação média permaneceu no mesmo patamar do ano passado, 93 pontos, enquanto o preço médio ficou em $ 46 dólares por garrafa, somente $ 2 dólares abaixo de 2011.

O vinho do ano? O californiano Shafer Vineyards Relenteless Napa Valley 2008, um corte de Syrah e Petit Sirah de uma vinícola tradicionalmente conhecida pela sua produção de excelentes Cabernet Sauvignons. Desde a sua primeira safra em 1978, seu fundador, John Shafer,  e seu filho Doug, têm trabalhado para que a vinícola se tornasse uma das melhores do Napa Valley, tendo o seu vinho Hillside Select Cabernet Sauvignon como um dos mais procurados da California.

O nome do vinho, Relentless – que em português significa incessante, implacável, persistente – é uma homenagem a Elias Fernandez, filho de imigrantes, que trabalha na produção de vinhos há 28 safras e recebe grande parte do crédito pela evolução da Shafer em uma vinícola de alta qualidade. As uvas são provenientes de uma parcela de 14 acres de Syrah e de uma outra de 4 acres de Petit Sirah, ambas próximas à divisa do distrito de Stags Leap, e foram fermentadas em conjunto. O vinho faz um estágio de 30 meses em barricas de carvalho francês novas, e desde a sua primeira safra em 1999 tem sido considerado, consistentemente, um produto de altíssima qualidade. De acordo com a Wine Spectator, as condições quase perfeitas da safra de 2008 estão refletidas na complexidade dos aromas e texturas deste Relentless, que marca a segunda vez em 3 anos que um tinto californiano inspirado no Rhône é eleito vinho do ano, e a sétima que um vinho do Napa Valley consegue atingir este posto.

Segue a lista dos 10 melhores, com o nome/produtor, safra, região, país e preço de lançamento em dólar, esse bem longe da nossa realidade aqui no Brasil! Tivemos uma boa representatividade da França, com 4 vinhos divididos entre as excelentes safras de 2009 e 2010, 3 vinhos norte americanos, 1 australiano obtendo a medalha de bronze, 1 brunello di montalcino, e 1 sul americano, o excelente malbec Finca Bella Vista da Achával Ferrer, que no Brasil custa em torno de R$ 400 reais. No próximo dia 19, a revista divulgará a lista completa com os 100 melhores vinho de 2012. Santé!

  1. Shafer Vineyards Relentless Napa Valley 2008, Napa Valley, California, USA (96 pontos/$60)
  2. Château de St. Cosme Gigondas 2010, Rhône Valley, France (95 pontos/$41)
  3. Two Hands Shiraz Barossa Valley Bella’s Garden 2010, Barossa Valley, Australia (95 pontos/$69)
  4. Clos des Papes Châteauneuf-du-Pape 2010, Rhône Valley, France (98 pontos/$128)
  5. Château Guiraud Sauternes 2009, Bordeaux, France (96 pontos/$60)
  6. Château Léoville Barton St. Julien 2009, Bordeaux, France (95 pontos/$105)
  7. Shea Vineyard Estate Pinot Noir Willamette Valley 2009, Willamette Valley, Oregon, USA (94 pontos/$40)
  8. Beringer Cabernet Sauvignon Knights Valley Reserve 2009, Sonoma County, California, USA (94 pontos/$45)
  9. Ciacci Piccolomini d’Aragona Brunello di Montalcino 2007, Tuscany, Italy (94 pontos/$60)
  10. Achával Ferrer Malbec Finca Bella Vista 2010, Mendoza, Argentina (95 pontos/$120)

O vinho campeão: Shafer Vineyards Relentless 2008

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s